E eu estava lá

E eu estava lá no Olímpico no jogo contra o Ceará, e vi o fiasco. Sai revoltado, com a apatia, com a falta de entrega, com a falta de vergonha na cara dos "profissionais" que vestem o manto tricolor. Me prometeram durante a semana toda que aquilo não iria se repetir, que mostrariam que aquele jogo foi algo incomum, que honrariam a camiseta tricolor. Eu acreditei, e como faço sempre, fui ao Estádio Olímpico, mesmo tendo viajado a noite toda, mesmo com o calor congolês que fez na tarde deste domingo, lá estava eu. E, o que vi? A mesma falta de vontade, uma moleza injustificável a quem se diz profissional. Que no próximo domingo, lá no "puxadinho da beira do rio", apresentem pelo menos vontade e demonstrem que merecem usar aquela camiseta que já vestiu verdadeiros homens VENCEDORES.