Fluminense 0 X 3 Grêmio

Noite de quarta feira 20 de fevereiro de 2013, Libertadores da América!!!
O Grêmio deu mais uma demonstração de grandeza, sempre presente em sua história mais que centenária, depois de dias envolvido em dúvidas e críticas, nosso Tricolor vai ao Rio de Janeiro, enfrentar o atual Campeão Brasileiro, invícto a mais de 6 meses na sua casa e faz sua camisa brilhar mais forte no Engenhão.
Pois não é que o início da noite, já foi muito auspicioso para o Tricolor Gaúcho, afinal o Huachipato (atual Campeão Chileno), que dias antes havia vencido o Grêmio, impondo sua primeira derrota na nova Arena inaugurada a menos de 2 meses e oque colocou o tricolor gaúcho fora da zona de classificação a próxima fase da LA, este Huachipato havia perdido para o Caracas pelo placar de 3 X 1 na sua própria casa, o outro time do grupo, que havia perdido em casa também exatamente para o Fluminense, esse que seria o seu adversário daqui alguns minutos.
Para ser sucinto, o Tricolor Gaúcho aplicou um verdadeiro chocolate no Pó de Arroz Carioca, mostrando superioridade por todo o jogo e chegando a colocar uma goleada de 3 tentos a zero no time do Abelão, mostrando que seu time e grupo podem sim, formar uma bela equipe para o restante da temporada.
Isso não pode gerar uma euforia no grupo, mas serve para mostrar que as contratações que foram feitas podem e já estão dando resultado.
Não podemos achar que o time está montado e que ele jogará por música, afinal o entrosamento ainda não existe, mas a atuação da noite de quarta demonstra que dá para jogar tudo isso que jogou. Oque é realmente mais do que as últimas atuações nos jogos pelo Gauchão e anteriores da LA.
Avaliando o jogo em sí, vi que os jogadores que foram inseridos no time deram resposta e no meu entender, principalmente o André Santos supriu com maestria a lacuna que era atualmente a lateral esquerda, com a manutenção do meio campo, que já vinha jogando desde o ano passado Luxa reverteu um erro que havia cometido no jogo anterior e para falar apenas de um jogador do ataque (pois Vargas chegou a fazer um gol e sua melhor atuação), falarei de Barcos, um centroavante na simples maneira de entender futebol, o cara nasceu pro lugar, além disso mostrou a integração total ao objetivo do time para o ano, jogando apesar de problemas pessoais que justificariam plenamente a sua falta, fez gol, deu passe para outro e na hora que precisou estava na área do Grêmio dando balão. Encerro aqui, para que todo mundo possa opinar, dizendo que Cris mostrou que é um zagueiro confiável e que gostei também da atitude do time, oque para mim está ligada as palavras do Presidente Koff, no vestiário, olhando nos olhos dos jogadores e fazendo pesar toda a sua história, como maior vencedor desse clube.
Exemplifico essa atitude, quando no início do jogo o Nem do Fluminense se atirou perto ou dentro da área e o juiz não deu nada, quando se formou um bolo de jogadores do Grêmio em volta dele, ostilizando e intimidando o atleta, coisa que a muito tempo não via o time do Tricolor fazer dentro do campo.
Duca Maradona