Por ingressos mais baratos e Arena cheia

Os Sócios Livres, em razão da matéria publicada no jornal Zero Hora deste dia 22/10/2013 (http://zerohora.clicrbs.com.br/rs/esportes/gremio/noticia/2013/10/batalha-da-arena-negociacao-polemica-acirra-rivalidade-entre-koff-e-odone-4308818.html ), vêm a público manifestar a sua opinião:

Considerando que a massa de gremistas, a imprensa e o senso comum entendem que o ingresso e as mensalidades da Arena são muito caros para os padrões de renda do brasileiro (bastando ver que os lugares mais baratos sempre lotam), e, assim, a olhos vistos há lugares vagos no estádio; diante da lógica conclusão de que os lucros esportivos de um estádio cheio em dia de jogo decisivo – quartas de final da Copa do Brasil –,transformam-se em lucros financeiros em curto espaço de tempo, afirmamos:

1) É com perplexidade que assistimos um ex-Presidente do Grêmio sustentar que é bom o estádio ficar vazio em dia de decisão e que o clube não deve buscar todos os meios necessários para que o seu torcedor o apoie, inclusive com a diminuição do preço dos ingressos;

2) É com muita estranheza que verificamos que apenas nos momentos de crise nas negociações entre o Grêmio e a OAS este mesmo ex-Presidente surja nos debates públicos para defender a posição contrária àquela do Grêmio e da massa de torcedores que pretendem ir ao estádio pagando um pouco menos;

3) É com renovado otimismo que verificamos que a posição do Grêmio está sendo defendida a todo o custo na renegociação do contrato, inclusive daquelas interferências de terceiros vinculados ao clube no passado recente;

Por fim, entendemos que é necessária apenas uma pequena dose de lógica econômica para entender que mais pessoas dentro de um estádio consomem mais, estimulando novos fornecedores a utilizarem as dependências do estádio  (“pouring rights”) e criando novas possibilidades de locações dos espaços comerciais da Arena ainda ociosos, influenciam mais pessoas a conhecer o equipamento, possibilitando maior retorno econômico ao negócio, e, como consequência, ajudam mais o Grêmio a voltar a conquistar títulos, que deveria ser a preocupação final de todos nós: torcedores, associados, parceiros e ex-dirigentes.