TAÇA PIRATINI 2012: CANOAS 1 x GRÊMIO 3

Fonte: Globoesporte.com

Gabriel incendeia o jogo, e Grêmio vence o Canoas fora

de casa. Kleber, Gabriel e Marcelo Moreno marcam os

gols da vitória por 3 a 1

 

Após estrear com derrota no Olímpico para o Lajeadense, o Grêmio se recuperou nesta noite de quarta-feira. Jogando no Complexo Esportivo da Ulbra, a equipe de Caio Júnior superou o Canoas por 3 a 1, pela segunda rodada da Taça Piratini - o primeiro turno do Campeonato Gaúcho.

Kleber Gladiador, Gabriel - destaque da partida - e Marcelo Moreno marcaram para o Grêmio. Marcelão descontou. Agora, o Grêmio soma três pontos no Grupo 2, enquanto o Canoas segue sem nenhum no Grupo 1.

No próximo fim de semana, as duas equipes voltam a jogar. O Grêmio visita o Juventude às 17h de domingo, no Estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul. Antes, no sábado, o Canoas recebe o Cerâmica - às 20h30m, no Complexo Esportivo da Ulbra.

kleber CANOAS X GRÊMIO (Foto: Agência Estado)

 

Igualdade aérea

Em dois cruzamentos para as áreas, do anfitrião e do visitante, saíram os gols do primeiro tempo. Com um minuto, Kleber abriu o placar, após escanteio cobrado por Marco Antonio, e desviado por Douglas Grolli - foi o primeiro gol dele em jogos oficiais pelo Grêmio, já que marcara três em amistosos da pré-temporada.

Mas, trinta minutos depois, o Canoas empatou em lance semelhante. Houve, entretanto, confusão. A bola desviou na mão de um jogador do time da casa e ficou limpa nos pés do zagueiro Marcelão, que fulminou Victor da pequena área: 1 a 1.

Com novo sistema tático, o 4-4-2 com meio-campo reproduzindo o desenho de um losango, o Grêmio controlou a posse de bola, mas não encontrou espaços no 3-6-1 do Canoas. No intervalo, para consertar o problema, Caio Júnior trocou Marco Antonio por Gabriel e improvisou um sistema com três zagueiros para encaixar a marcação.

Gabriel muda tudo

E a substituição deu resultado em poucos minutos. Aos seis, após uma violenta cobrança de falta do volante Léo Gago, Gabriel aproveitou rebote concedido pelo goleiro Ney e bateu de esquerda para sair comemorando com entusiasmo o segundo gol do Grêmio.

No 3-5-2, o Grêmio colocou Gabriel e Julio Cesar no campo de ataque, ambos auxiliando Douglas na articulação. Desta forma, os atacantes passaram a receber mais passes. O estreante Marcelo Moreno teve chances, Kleber Gladiador também. Mas quem se destacou acima de todos foi o lateral egresso do banco, transformado em ala.

Impetuoso, Gabriel partiu para cima dos marcadores, com belas jogadas individuais. Com dribles, desorganizou a defesa do Canoas e fez seus companheiros crescerem juntos. E, se Kleber havia marcado seu primeiro gol em jogos oficiais pelo Grêmio, ele foi solidário para ajudar o estreante Marcelo Moreno.

Aos 41, o Gladiador recebeu passe de Julio Cesar, na esquerda, e cruzou. Moreno, jogador boliviano daqueles cuja palavra "centroavante" aparece na lacuna "profissão" da carteira de trabalho, cabeceou com firmeza: 3 a 1, placar final.

<object width="480" height="360" data="http://s.videos.globo.com/p2/player.swf" type="application/x-shockwave-flash"><param value="true" name="allowFullScreen"><param value="http://s.videos.globo.com/p2/player.swf" name="movie" /><param value="high" name="quality" /><param value="midiaId=1784282&autoStart=false&width=480&height=360" name="FlashVars" /></object>